Ensaios

Ensaios

Ensaios -  Corte de Concreto

ATENDIMENTO EM OBRA

  • Laboratorista auxiliar (semi-profissional) à disposição
  • Laboratorista sênior à disposição na obra
  • Tecnólogo sênior especialista à disposição na obra
  • Engenheiro consultor sênior à disposição na obra

COLETA DE AMOSTRAS / MOB. EQUIPES

  • Visita em obra situada em Curitiba para moldagem de CP’s de concreto, verificando traço, consumo aproximado de cimento, eventualmente instruir e realizar o ensaio de consistência (Slump). Inclui a coleta.

ENSAIOS DO CONCRETO

DOSAGEM RACIONAL DO CONCRETO
  • Apenas 1 traço (2 agregados / areia-brita)
  • Apenas 1 traço (areia – brita N°1 e 2 / ou 3 tipos de agregados)
  • Apenas 1 traço (areia, pó, brita N°1 e 2 / ou 4 tipos de agregados)
  • Traço adicional com os mesmos materiais (a partir do 2°)
  • Verificação / aferição traço concreteira (dois agregados)
  • Verificação / aferição traço concreteira (três agregados)
  • Verificação / aferição traço concreteira (quatro agregados)
  • Verificação / aferição traço adicional concreteira

ESTATÍSTICA

Determinação do fck est. com laudo

DET. RESISTENCIA MECÂNICA

  • CP 10X20 (NBR-5739)
  • CP 15X30
  • Tração Simples – CP 15X30
  • Tração na Flexão – CP Prismático (NBR-12142)
  • Abrasão Amsler – (NBR-12042)
  • Corte / preparo dos CP’s

ESCLEROMETRIA (NBR-7584)

  • Até 10 pontos (taxa mínima para Curitiba e região) / adicionar custos de mobilização / taxa mínima para obras fora (conforme distância) Por ponto excedente
  • Aferição de Esclerometro

ULTRA-SOM (NBR-8802)

  • Até 10 pontos (taxa mínima) / adicionar custos de mobilização
  • Por ponto excedente

PACOMETRIA

  • Taxa mínima / adicionar custos de mobilização
  • Relatório (por hora técnica)

MODULO DE DEFORMAÇAO (NBR-8522)

  • Estudo com 5 (cinco) CP’s, sendo 2 p/ compressão + 3 CP’s p/ Módulo
  • Por par de CP’s

PERMEABILIDADE

  • Método Bureau
  • Método Din
  • Método da penetração d’água sob pressão (NBR-10787)

RECONSTITUIÇAO DE TRAÇO

  • Concreto fresco
  • Concreto endurecido

BROQUEAMENTO (NBR-7680)

EXTRAÇÃO, PREPARO, ENSAIO E ANALISE DOS RESULTADOS.
  • 50mm
  • 75mm
  • 100mm
  • 150mm
  • Outras dimensões pedir orçamento prévio.
  • Acrescentar custos de transportes, diárias em viagem, estadias, etc.

RETRAÇÃO POR SECAGEM (CONCRETO)

  • Método ASTM- C-157 ou NM-131:97

ENSAIO DE VERIFICAÇAO DE DESEMPENHO DE ADITIVO DETERMINAÇAO DO ÍNDICE DE EXSUDAÇÃO CIMENTO – PARAMETROS FÍSICOS

  • Massa específica (NBR NM-23)
  • Finura pen. 200 (NBR-11579)
  • Finura pen. 325 (NBR-9202 / ASTM -C-430)
  • Água da pasta de consistência normal (NBR NM-43)
  • Tempo de Pega (NBR-11581 / NM-65) / NBR- NM-43)
  • Superfície específica Blaine (NBR-7224 / NM-76)
  • Expansibilidade “Le Chatelier” (NBR-11582)
  • Expansibilidade em autoclave (ASTM C-151)
  • Resistência a compressão nas idades de 3, 7 e 28 dias (NBR-7215)
  • Suplementar (idade adicional)

ANALISE QUÍMICA

  • CP II e
  • CP III, CP IV, e CP V
  • Cimento Aluminoso
  • Parâmetros Isolados

CAL – PARAMETROS QUIMICOS

  • Perda ao fogo
  • Resíduo insolúvel
  • Anidrido carbônico
  • Óxidos (CaO+MgO) totais na base de não voláteis
  • Óxidos de ferro, alumínio e sílica
  • Carbonatos totais
  • Poder de neutralização

ANALISE QUÍMICA COMPLETA (NBR-6473)

  • Cal Virgem
  • Cal Hidratada

PARAMETROS FÍSICOS:

  • Finura
  • Estabilidade
  • Retenção de água (NBR-9290)
  • Plasticidade (NBR-9206)
  • Incorporação de areia plastometro de “Voss” (NBR-9207)
  • Massa especifica real / aparente

AGREGADOS

  • Absorção, Massa Específica Real, e Massa Específica Aparente de Agregado Graúdo (ABNT NM-53)
  • Absorção de Água de Agregado Miúdo (ABNT NM-30)
  • Massa Específica Real, e Massa Específica Aparente de Agregado
  • Miúdo (ABNT NM-52)
  • Abrasão “Los Angeles” (NM-51)
  • Adesividade (NBR-12583)
  • CAP
  • Emulsão

ANALISES AGREGADOS:

  • Granulométrica / Miúdo (NBR- NM-248)
  • Granulométrica / Graúdo. (NBR NM-248)
  • Det. Mat. Fino pass. Pen #200 (NBR NM-46)
  • Agregado Graúdo – Massa Unitária (NBR-7251)
  • Granulométrica / Brita 4A
  • Granulométrica / Graduada
  • Petrografica (DNIT-006/94 / NBR-9942/87 / NM-66/98): descrição sucinta (sem lâmina)
  • Análise Petrografica para detecção de minerais potencialmente reativos / deletéreos (NBR-7389
  • Descrição mineralógica (com microscopia / lâmina)
  • Composição mineralógica (NBR-9942)
  • DIFRATOMETRIA RX
  • Análise Química (semi-quantitativa RX)
  • Caracterização básica (granulometria/impurezas/densidades/pulv.)
  • Areias
  • Britas
  • Condutividade
  • Curva de inchamento
  • Outros Ensaios:
  • Argila em torrões, e materiais friáveis (NBR-7218 / NM-44)
  • Material pulverulento (NBR-7219 / NM-46)
  • Impurezas Orgânicas (NBR-7220 / NM-49)
  • Açúcar (indicativo)
  • Açúcar (quantitativo)
  • Qualidade da areia (NBR-7221)
  • Salinidade (indicativo cloretos)
  • Salinidade (quantitativo cloretos e sulfatos solúveis) / DNIT ME-089 / ABNT NBR-9917
  • Avaliação do Comportamento mediante ciclagem acelerada com etileno-glicol (NBR-12697)
  • Equivalente de areia
  • Índice de forma (paquímetro) – NBR-7809
  • Lamelaridade (DNIT ME-086)
  • Massa especifica agregado graúdo / miúdo (NBR NM-52 / 53):
  • Real
  • Aparente
  • Reatividade potencial em barras de argamassa (ABNT NBR-15577) – Método acelerado
  • Com leitura de até 06 meses (leitura adicional)
  • Sanidade ao sulfato de sódio / DNIT-ME-089 / ASTM C-88
  • Ciclagem acelerada – água estufa / NBR-12696
  • Ciclagem acelerada – etileno glicol / NBR-12697
  • Massa Unitária:
  • Massa Unitária (NBR-7251)
  • Massa Unitária no Estado Compactado (NBR-7810)
  • Preparação de amostra / Redução de amostra de campo para ensaio de laboratório (DNIT-PRO-199

ARGAMASSAS – DOSAGEM RACIONAL DE ARGAMASSA

  • Apenas 1 traço (retenção, resistência de aderência ao arrancamento, ar incorporado, resistência mecânica à flexão e compressão, etc)
  • Até 2 traços com mesmos materiais
  • Traço adicional (a partir do 3º ) com mesmos materiais
  • Reajustes com novas caracterizações
  • Verificação de Traço

RECONSTITUIÇAO DE TRAÇO

  • Argamassa fresca
  • Argamassa endurecida

ARRANCAMENTO (NBR-13528)

  • Área de ensaio c/ 06 pontos
  • A ser realizado em laboratório
  • Laudo ilustrado com fotos

ARGAMASSAS / PARAMETROS FISICOS

  • Mistura / Consistência (det teor de água para obtenção do índice de consistência padrão NBR-13276 / MU estado plástico
  • MU estado aniidro
  • Tempo de pega
  • Tempo em aberto
  • Tempo de ajuste
  • Det. Índice de Retenção de Água (NBR-13277)
  • Elasticidade
  • Retração ou Expansão Linear – NBR-15261 (02 CP’s)
  • Resistência à Compressão (12 CP’s / NBR-13279)
  • Resistência à Tração na Flexão (6 CP’s / NBR-13279)
  • Resistência ao Cisalhamento (6 CP’s)
  • Resistência de Aderência à tração (6 CP’s / NBR-13528)
  • Taxa de Mobilização p/ Curitiba
  • Taxa de Mobilização fora de Curitiba
  • Preparo – cortes / colagem por área c/ 6 pastilhas ou placas
  • Execução do Ensaio por área c/ 6 pastilhas ou placas
  • Resistência Potencial de Aderência à tração (NBR-15258)
  • Modulo de Deformação Estático (4 CP’s)
  • Modulo de Deformação Dinâmico (4 CP’s) – NBR-15630
  • Permeabilidade
  • Absorção d’água por Capilaridade (NBR-15259)
  • Absorção d’água por imersão, índice de vazios, e massa específica (NBR-9778)
  • Det. densidade da massa e Teor de Ar Incorporado (NBR-13278)
  • Det. densidade aparente no estado endurecido (NBR-13280)
  • Retenção de água (NBR-13277)
  • Det. Variação linear dimensional (retração, ou expansão linear) – NBR-15261

AÇO (NBR-7480)

PARAMETROS DE ENSAIO DE AÇO
  • Tração em barras e fios (NBR-ISSO-6892)
  • Dobramento
  • Tração em cordoalhas (NBR-6349)
  • Tração em emendas e ou tirantes
  • Aderência (4 CP’s)
  • Cisalhamento em telas

ÁGUA

ANALISE DA ÁGUA
  • Análise de Água para amassamento de Concreto (NBR-NM-137)
  • Química Completa
  • Química Parcial (ph, sólidos, sais totais em dissolução, matéria orgânica, cloretos, sulfatos, CO2 livre)
  • Qualidade da água para argamassa e/ou concreto- físico/químico

ADITIVOS

ENSAIO DE VERIFICAÇAO DE DESEMPENHO DE ADITIVO

BLOCOS / TIJOLOS

BLOCOS VAZADOS DE CONCRETO (NBR-6136)
  • Resistência à compressão (NBR-12118)
  • Absorção e teor de umidade (NBR-12118)
  • Prisma vazio
  • Prisma cheio
  • Confecção de prisma
BLOCOS CERÂMICOS (NBR-15270 /1 e 2)
  • Resistência à compressão (NBR-15270)
  • Absorção e teor de umidade (NBR-15270)
  • Prisma vazio
  • Prisma cheio
  • Confecção de prisma
BLOCOS SEXTAVADOS DE CONCRETO P/ PAVIMENTAÇAO (NBR-9781)
  • Resistência à compressão CP testemunho
  • Resistência à compressão por puncionamento (NBR-9780)
  • Resistência à flexão
  • Absorção
  • Resistência à abrasão (par de CP’s)
TIJOLOS MACIÇOS OU FURADOS
  • Resistência à compressão
  • Resistência à compressão por puncionamento (NBR-9780)
  • Resistência à flexão
  • Absorção

TELHAS CERÂMICAS (NBR-15310 / UNIF EM 30.NOV.2005)

  • Resistência à flexão (NBR-15310)
  • Absorção (NBR-15310)
  • Permeabilidade (NBR-15310)
  • Dimensionamento c/ massa (NBR-15310)

TELHAS DE CIMENTO AMIANTO

  • Resistência à flexão
  • Absorção
  • Permeabilidade
  • Comportamento ao carregamento distribuído

POZOLANAS / METACAULIM

  • Analise química
  • Atividade pozolanica
  • Pozolanicidade
  • Atividade com cimento

ESCÓRIAS

  • Analise química
  • Atividade com cimento

REFRATÁRIOS

  • Mistura e Moldagem dos CP’s – cilíndricos, cúbicos, ou prisma
  • + Moldagem série CP’s Cilíndricos (série)
  • + Moldagem série CP’s Cúbicos ou Prismáticos (série)
  • Extração por corte ou broqueamento (por amostra em n/ lab.)
  • Extração no local de aplicação – sujeito a orçamento prévio
  • Absorção (NBR-6220) / por CP
  • Porosidade aparente (NBR-6220) / por CP
  • Massa específica aparente (NBR -6220) / por CP
  • Resistência à compressão (NBR-6224) / por CP
  • CP seco à 110/120 ºC
  • CP queimado à 815/1200ºC
  • Resistência à flexão (NBR-6113) / por CP
  • CP seco à 110/120 ºC
  • CP queimado à 815/1200ºC
  • Variação linear (NBR-6225) / por CP
  • CP seco à 110/120 ºC
  • CP queimado à 815/1200ºC

REVESTIMENTO CERÂMICOS – PLACAS CERÂMICAS (ENSAIOS PREVISTOS NA NBR-13818)

  • Expansão por Umidade (série 6 CP’s)
  • Gretamento (série 6 CP’s)
  • Absorção (série 6 CP’s)
  • Resistência ao Manchamento (série 6 CP’s)
  • Resistência à Flexão (por série 6CP’s)
  • Resistência à Abrasão (série 4 CP’s)
  • Det. Coeficiente de Atrito (série 2 CP’s)
  • Det. Resistência de Aderência à Tração em Obra / Área de ensaio c/ 6 pontos (cobrar valor do ensaio= 250,00 + taxa mobilização, diária em viagem, estadias, refeições)

SOLOS – PARAMETROS FÍSICOS

  • Extração de amostra indeformada
  • CBR c/ 01 CP na h% ótima
  • CBR c/ 02 CP’s na h% ótima
  • CBR c/ 04 CP’s na h% ótima
  • LL e LP (NBR-6459 / NBR-7180)
  • Granulometria simples (s/curva)
  • Granulometria de solo
  • Ensaio de compactação (proctor normal / interm. / modif.)
  • Cisalhamento 3 ptos.
  • Adensamento / CP.
  • Equivalente de areia
  • Permeabilidade (NBR-13292)
  • Porosidade
  • Massa específica real de solo (NBR-6508/84)
  • Massa específica aparente de solo (NBR-6457/86)
  • Umidade de solo
  • Matéria orgânica por titulação (NBR-13600/96)
  • Análise química de solo (RX)
  • Análise mineralógica (microscopia / caracterização mineralógica)
  • Sondagem visual até 3m, com relatório / parecer técnico
  • Caracterização completa amostra de solo

ASFALTO

  • Extração de amostra indeformada
  • Densidade aparente de CBUQ “in situ”
  • Granulometria e teor de ligante
  • Extração de betume
  • Estabilidade e Fluência “Marshal”
  • Dosagem de concreto asfáltico, incluindo as caracterizações completas dos materiais constituintes (curvas granulométricas, impurezas, materiais pulverulentos, índice de abrasão, sanidade, dureza, lamelaridade, forma do grão, testes prévios de adesividade ao CAP), estudo do proporcionamento / teor ideal de betume, mistura de traços experimentais
  • Estudo completo
  • Verificação da dosagem de CBUQ
  • Determinação da resistência à tração CP por comp. diametral
  • Execução de furo de sondagem (base / sub-base / subleito), até 2,5m de profundidade, com relatório interpretado, incluso posterior obturação
  • Adesividade do agregado ao CAP / Emulsão

TUBOS DE CONCRETO

  • ø 200 a 300mm
  • ø 400 a 500mm
  • ø 600 a 700mm
  • ø 800m
  • ø 1000mm
  • ø 1200mm
  • ø 1500mm
  • ø 1800mm
  • ø 2000 a 2200mm
  • Absorção
  • Permeabilidade

Envia suas dúvidas